Grau de Informatização de Empresas: Um modelo estrutural aplicado ao setor industrial do estado de São Paulo

Título: Grau de Informatização de Empresas: Um modelo estrutural aplicado ao setor industrial do estado de São Paulo

Autores: Antonio Geraldo da Rocha Vidal; Ronaldo Zwicker; Cesar Alexandre de Souza; José de Oliveira Siqueira

Resumo/Sinopse: A difusão do uso da Tecnologia de Informação (TI) é evidenciada por meio de um processo, que pode ser denominado informatização e que permeia nossa sociedade e negócios. Com relação aos negócios, os gestores necessitam de instrumentos para avaliar o uso organizacional da TI. O artigo apresenta um modelo de avaliação com base na mensuração do construto Grau de Informatização (GI). Cinco dimensões (fatores) de avaliação foram consideradas no modelo final: uso organizacional da TI, impactos da TI, atributos das aplicações da TI, infra-estrutura da TI e governança da TI. O modelo foi desenvolvido a partir do levantamento de dados de uma amostra de 830 empresas industriais do estado de São Paulo. Nele, a modelagem por equações estruturais foi utilizada para desenvolver e validar o GI. O construto satisfez os requisitos de consistência e validade interna e demonstrou possuir validade externa na medida em que as proposições em relação ao tamanho da empresa e não quanto aos níveis de investimentos em TI foram confirmadas.

Data de publicação: 2007

Periódico/Editora
: RAE Eletrônica (Online)

Edição: Volume 6

Palavras-chave: Informatização; uso organizacional da TI, avaliação do uso da TI, grau de informatização, valor da TI para os negócios